Leitor Inversa,

TRÊS.

Guarde bem esse número.

Essas são as oportunidades neste momento para você ganhar muito dinheiro na Bolsa.

Mas atenção: não mais que três. Entre as mais de 400 disponíveis no mercado.

Elas foram identificadas após uma análise criteriosa que durou nada menos que sete meses.

E que envolveu o esforço de uma equipe de profissionais entre os mais qualificados do Brasil.

Centenas de relatórios e balanços foram esmiuçados dia e noite, um por um.

Por isso, antes de prosseguir, é necessário fazer uma advertência extremamente importante aqui…

Se estiver olhando para outros investimentos que não essas três ações que você está prestes a conhecer…

A recomendação é: Pare Imediatamente.

Não assumimos nenhum tipo de responsabilidade por outras escolhas neste momento.

Estas três ações pertencem a empresas
capazes de disparar a qualquer hora na Bolsa.

Nenhuma delas você encontra em anúncios no intervalo do Jornal Nacional.

Essas da TV já são conhecidas, alvo constante da atenção de milhares de investidores todos os dias.

O que está em jogo aqui são valorizações extraordinárias, aquelas que fogem do lugar-comum.

Que não estão no radar da maioria dos bancos e corretoras.

E com potencial para premiar aqueles que tomam conhecimento da sua oferta de ganhos ilimitados.

Porque… pare para pensar…

A Bolsa continua fazendo milionários dia após dia…

Não deixou de tornar pessoas comuns muito mais ricas, mesmo durante a crise mais grave da história do País.

Tudo passa por única condição: ter em mãos os papéis certos.

Aqueles capazes de oferecer retornos extraordinários, mesmo durante a mais dura das tempestades.

Como no caso das três ações que está prestes a conhecer.

O que é muito dinheiro para você?

O suficiente para comprar um carro? Uma casa?

Fazer a viagem dos sonhos pelo tempo que quiser?

Poder deixar para trás aquele chefe que não reconhece o seu trabalho, junto com o salário que mal dá para pagar as contas no fim do mês?

Ou mesmo aquele colega que sempre conta vantagens?

Você decide…

A completa liberdade financeira está ao seu alcance, ao contrário do que você possa imaginar neste momento em meio ao dia a dia de prazos a cumprir e obrigações a pagar.

Milhares de pessoas conseguem atingi-la todos os anos dessa forma na Bolsa.

E mesmo sem ter pela frente uma era excepcional nos mercados como a que estamos prestes a testemunhar…

O que pode tornar você um investidor privilegiado…

Falo de uma conjuntura extremamente favorável
para o mercado de ações no País.

Sim, toda a crise institucional vivida nos últimos meses no Brasil serve de combustível para acelerar os ganhos em Bolsa neste momento.

Vivemos o início de um ciclo de supervalorização como poucas vezes se viu na história.

Dê só uma olhada neste gráfico…

Percebeu o ponto em que estamos atualmente?

Aquele mesmo, marcado em verde do lado direito da imagem…

Pois bem… Ele mostra uma quinta onda de supervalorização em formação.

Bem neste exato momento, enquanto você lê esta carta.

Com potencial de ganhos ilimitados, após lucros de quatro dígitos nas quatro ondas anteriores…

Em uma delas, por exemplo, o mercado disparou extraordinários 3.415%.

E o mais impressionante: em meio a um mesmo cenário de ruptura como o vivido agora no País.

Tivemos um impeachment na época? Sim…

Um governo posterior disposto a fazer mudanças estruturais no País? Também…

Uma crise econômica profunda que parecia impossível de ser solucionada? Sem dúvida…

Esses 3.415% se deram a partir da perspectiva do afastamento de Fernando Collor até a consolidação do Plano Real.

Na prática, quem investiu o equivalente a 100 mil reais na época do impeachment de Collor retirou nada menos que 3,5 milhões de reais em seis anos e cinco meses.

Isso aconteceu de verdade e estava à disposição de cada cidadão brasileiro – não foi resultado de ganhos altamente improváveis na Mega Sena ou em concursos na TV.

E, como você já constatou, pode acontecer de novo.

Por isso, nunca é demais reforçar a importância desse momento para a sua vida financeira.

E de ter em mãos os papéis certos… como as três ações que você está prestes a conhecer hoje.

Que foram resultado de sete meses de análises criteriosas.

Estamos experimentando algo que costuma acontecer só de décadas em décadas. E que ninguém é capaz de garantir que poderá ocorrer de novo.

Gerações inteiras podem não ser capazes de repetir lucros extraordinários como os proporcionados na onda de 3.415%.

E que nunca é demais repetir: só foram possíveis graças a um processo de ruptura institucional, política e econômica.

Os juros, por exemplo, estão em queda livre no Brasil. A fase de rendimentos aceitáveis na renda fixa acabou…

E tudo indica que esse ciclo de cortes vai muito mais além…

Fonte: Valor Econômico (Setembro/2017)

É hora de tomar um pouco mais de risco. E isso significa investir na Bolsa em busca de maiores retornos.

Sem contar que ainda é possível hoje comprar ativos mais baratos, descontados em relação ao que realmente valem.

Uma prova concreta do que estou falando?

Muitas das empresas listadas em Bolsa sofreram os impactos da crise. Passaram por períodos difíceis na maior recessão da história do País.

O impacto de tudo o que aconteceu foi inegável em seus balanços.

Por isso, ainda estão sendo negociadas na Bolsa muito abaixo de seu valor patrimonial.

Isso significa que se elas decidissem vender todos os seus bens e ativos, pagassem todas as suas obrigações, o seu valor patrimonial ficaria acima do que ela vale hoje no mercado.

Em uma situação normal, essa relação estaria acima de 1x – algumas até 7x, 9x.

No entanto, companhias sólidas enfrentam neste momento panoramas bem inferiores.

Você consegue perceber a importância desse dado?

A queda dos juros vai reforçar ainda mais essa recuperação rumo aos valores reais de cada empresa na Bolsa…

Fomentando o fluxo de caixa e a viabilidade de novos projetos com custos mais baixos de financiamento.

Sem contar o impacto na economia do País como um todo.

A relação entre os juros e o índice IBX, que avalia o retorno de uma carteira teoricamente composta pelas 100 ações mais negociadas da Bolsa, dá uma ideia do que estamos falando…

Esse movimento está novamente acontecendo bem diante dos seus olhos…

E também não está passando despercebido por alguns dos maiores investidores do mundo, que já começam a posicionar suas fichas na Bolsa brasileira.

O fundo Verde, um dos mais antigos e mais bem-sucedidos do País, é taxativo no relatório enviado a seus clientes no início de outubro…

“…zeramos a maior parte dos hedges do nosso portfólio de ações brasileiras”, diz.

Em outras palavras, admite estar comprado em Bolsa brasileira.

Não por acaso também, o saldo acumulado pelos investidores de fora em ações brasileiras no ano já atingiu 15,359 bilhões de reais.

Fonte: Valor Econômico (Outubro/2017)

A formação da “Quinta Onda” de supervalorização já começa a ser responsável por recordes no mercado…

E você já viu que estamos apenas no início deste movimento…

Imagine só o que está por vir…

Fonte: O Globo (Setembro/2017)

Fonte: Exame (Outubro/2017)

 Não espere por nada menos significativo do que isso nos próximos meses.

Posso garantir: quando você começa a ver manchetes como essas, a entrada em Bolsa se torna algo ainda mais urgente

Porque o mercado antecipa os acontecimentos. Por isso a importância de agir AGORA.

As três ações vão pegar
em cheio essa nova onda

Com as três ações que está prestes a conhecer você vai estar extremamente bem posicionado para pegar a Quinta Onda de supervalorizações do mercado.

Sem contar os efeitos da recuperação econômica e que favorecerão o crescimento de inúmeras empresas no País.

Uma delas, dona de uma das três ações, atua no segmento financeiro e está extremamente preparada para capturar boas oportunidades de negócio com clientes de grande porte.

Ninguém mais parece estar olhando para ela neste momento.

Apesar de ter o nome ainda desconhecido pela maioria dos brasileiros, possui grande diversificação nas suas áreas de atuação: as cinco mais representativas respondem por somente 48,3% do portfólio.

E o melhor: possui uma enorme capacidade de negócios nos mais diversos setores, uma habilidade muito importante para pegar em cheio a virada da economia.

Outra dessas três empresas é extremamente sólida.

Vem entregando consistentemente um bom desempenho operacional, principalmente no que se refere a redução de custos.

Assume uma posição privilegiada para capturar oportunidades de negócio neste momento.

Possui ainda a segurança de um grande volume de exportações de seu principal produto – que ocupa um espaço estratégico em suas plantas –, e que é de uso contínuo no dia a dia dos brasileiros.

Neste momento, você tem duas opções…

Ficar parado ou agir para garantir esses retornos extraordinários e conquistar todos os seus objetivos financeiros.

Ficar parado significa deixar tudo como está, vendo um grupo cada vez maior de pessoas ganhar dinheiro na Bolsa com os ativos certos.

E que neste momento são três

Os três selecionados a dedo após uma minuciosa análise de todos os fundamentos de cada uma das empresas listas em Bolsa.

Agora… Se você optar por agir, vai se juntar a esse grupo cada vez maior, garantindo sua fatia do bolo antes mesmo de mais pessoas lotarem a festa.

O que você prefere?

São momentos históricos como esse que separam os grandes investidores daqueles que nunca conseguem retornos suficientes para a sua independência financeira.

Que milhões caem na conta daqueles que têm na mão os ativos certos, enquanto outros contam centavos em rendimentos de potencial mais conservador.

Com os papéis certos em mãos, as valorizações vão
superar – e muito – a média do mercado.

Porque é assim que a Bolsa funciona.

Quando você ouve na TV que a Bolsa avançou 1%, está ouvindo na verdade que o Ibovespa avançou 1%.

O Ibovespa é o principal índice do mercado, e representa uma média de desempenho entre 59 papéis no pregão.

Algumas rendem mais, outras menos.

Mas o detalhe é que o universo de ações cotadas diariamente ultrapassa 400.

Isso mesmo: mais de 400 ações podem trocar de mãos diariamente no pregão.

Ou seja… Há um mundo fora do Ibovespa. Com empresas sujeitas a valorizações extraordinárias, e que quase sempre não são acompanhadas de perto.

O potencial de cada uma delas é ilimitado neste momento.

E, da mesma forma que no Ibovespa, algumas vão render mais, outras menos.

O segredo aqui é saber antes quais delas vão apresentar as maiores valorizações entre as mais de 400 opções disponíveis.

É aí que está a diferença entre os demais papéis da Bolsa e os três selecionados a dedo.

E que você está prestes a conhecer agora.

Na prática, existe apenas uma maneira de nunca errar e perder dinheiro no mercado.

Sabe qual?

Jamais investir.

Mas isso não vai levar a sua financeira a outro patamar.

E o mais importante aqui é: qualquer risco pode ser amortizado com as ações certas.

Como estas três que está prestes a conhecer em todos os detalhes.

 

Até agora você viu que:

 São apenas 3 as ações que podem fazer você ganhar muito dinheiro na Bolsa neste momento;

 Elas foram identificadas após sete meses de uma análise extremamente criteriosa;

 São ideais para aproveitar a nova onda de supervalorização do mercado brasileiro;

Uma delas está prestes a experimentar um crescimento nas suas diversas áreas de atuação;

 É preciso agir rápido se quiser pegar em cheio o potencial de crescimento das três ações.

 

Se você acha que está em condições de seguir adiante…

Para aproveitar as oportunidades de ganhos oferecidas por cada uma das três ações…

Aceite o meu convite agora para ter acesso a todos os detalhes a partir deste momento.

E muito bem acompanhado. Com os guias certos para que você faça as aplicações com muita facilidade.

Tendo ao lado o analista mais disruptivo do País.

Falo de ninguém menos que Ricardo Schweitzer.

Ele escreveu por um ano o boletim mais lido de todo o mercado de capitais brasileiro.

E agora leva com exclusividade aos leitores e assinantes da Inversa Publicações as suas mais bem-sucedidas recomendações.

O Ricardo acumula mais de dez anos de experiência no mercado financeiro.

Trabalhou como analista de ações em alguns dos maiores bancos, fundos e corretoras do país.

Até que, em dezembro de 2015, enquanto todos esperavam seus bônus e planejavam o que comprar no Natal, decidiu mandar tudo às favas.

Sim, pelos ares.

Mudou o rumo da carreira ante a constatação de que havia se esgotado o estômago para desempenhar aquele papel fake de todos à sua volta.

E fez isso mesmo sem dinheiro suficiente no banco para se manter pelos muitos anos de que precisaria para reencontrar sua vocação.

Foi aí que se deparou com as casas de análise independentes.

Hoje, ele diz sem medo de errar: finalmente encontrou na Inversa a liberdade que tanto buscava.

A Inversa é a única que aceitaria – como aceitou prontamente – a proposição de suas estratégias arrojadas, com potencial de ganhos ilimitados.

Sem conflitos ou interesses de grandes corporações.

Ela não tem qualquer tipo de ligação com governos, partidos, movimentos sociais, bancos, corretoras, firmas de investimento e grupos de comunicação.

Os seus conteúdos são inteiramente dedicados a dizer a verdade, doa a quem doer.

único objetivo é oferecer proteção e grandes retornos aos leitores e assinantes.

Esqueça o mainstream. É fora do lugar comum que estão os grandes lucros.

independência e a coragem de uma ideia de investimento são as suas maiores armas para ganhar dinheiro.

Não por acaso, centenas de leitores escrevem a cada semana para agradecer as indicações do Ricardo.

E que espero que muito em breve sejam as suas…

O Flavio, por exemplo, recentemente escreveu à Inversa para agradecer a recomendação do Ricardo de uma ação que subiu quase 50% em 24 horas.

Isso mesmo: em 24 horas!

Olá Ricardo! Parabéns! Me rendi ao seu racional e exerci a compra de um pequeno lote de 4.000 ações. Você realmente saiu do lugar comum e efetivamente “ousou” na estreia no “Top Shot”…! Aguardo ansiosamente pela próxima edição e pela explanação de sua estratégia! Grande abraço (Flavio N.)

O Adilson, por sua vez, quis elogiar de um retorno de 400% com uma única ação.

“Prezados, na concorrente o Ricardo deu uma dica que me rendeu 400% adiantando a recomendação de um outro analista já feita de forma tímida. Abraços (Adilson C.)

E o Diego também fez questão de escrever, mas para contar que em uma única tacada embolsou 270% com o Ricardo.

“Parabéns à Inversa pelo esforço de trazer o Ricardo. Estou com ele até o fim.  No começo até duvidava dele, até pôr 270% no bolso em pouquíssimo tempo… (Diego B.)

Mas como se juntar a esse grupo agora?

E ter acesso às 3 ações
ANTES que elas disparem?

Só há uma forma de ter acesso às três ações recomendadas pelo Ricardo Schweitzer e seu time de analistas, após a análise criteriosa que durou sete meses sobre todos os papéis da Bolsa.

Trata-se de um canal aberto com algumas das melhores ideias de investimento do País.

Desenvolvido com um único objetivo: fazer você ganhar dinheiro com recomendações absolutamente independentes e sem blá-blá-blá.

O Ricardo quer se cercar de um grupo seleto de assinantes bem-sucedidos, dispostos a acompanhá-lo na busca por ativos que proporcionarão lucros extraordinários.

Como as três ações que está prestes a conhecer agora.

Não quero que você perca a chance de aproveitar esse alerta.

Por isso, quero apresentar a você a série…

É ela que abre neste momento para você, e de forma exclusiva, as três grandes oportunidades.

O nome Top Shot não foi escolhido por acaso.

O objetivo da série é acertar em cheio nas melhores estratégias para a Bolsa.

Selecionando ações com ótima relação risco/retorno.

Você também receberá alertas de investimento que vão além da Bolsa …

Sempre para ajudá-lo a multiplicar seu patrimônio, mas ao mesmo tempo protegê-lo se a situação assim o exigir.

Com a Top Shot, você terá todo o acompanhamento necessário para isso.

Com indicações simples e claras a cada 15 dias, em um relatório completo que mostra passo a passo o que você deve fazer com o seu dinheiro, e como fazer.

E com atualizações extraordinárias sempre que preciso.

Tudo transmitido sem complicações e de forma direta.

Porque a simplicidade é o último grau da sofisticação.

E você a merece em cada um dos relatórios, caro leitor.

Há uma ameaça aos seus investimentos no horizonte? Você será avisado…

Foi identificada uma oportunidade rara de multiplicação do seu dinheiro? Você também ficará sabendo no mesmo instante…

Ao aderir ao grupo seleto de membros da Top Shot, você já passa a conhecer imediatamente as três ações, que podem disparar a qualquer momento.

O Ricardo faz questão ainda de acompanhar você explicando detalhadamente a metodologia que ele utilizou para identificar cada uma das três ações.

Porque ele quer não apenas recomendar os investimentos com os retornos mais atrativos do mercado…

Quer ajudar você a entender o porquê de cada uma dessas escolhas.

Como membro da Top Shot, você terá acesso a relatórios especiais com todos os detalhes para aproveitar em cheio essas oportunidades.

E também uma série de conteúdos extras que vão ajudá-lo a investir melhor, e que continuarão disponíveis para sua consulta pelo tempo que você desejar.

Ao todo, você terá acesso imediato a:

Mas antes de liberar o acesso a todos esses materiais, incluindo as recomendações das três ações para comprar agora e todos os conteúdos extras, permita-me fazer um esclarecimento…

Um dos principais objetivos da Inversa é popularizar o universo dos investimentos.

Por que então restringir o acesso ao Top Shot por meio de uma assinatura?

É simples. A explicação para essa decisão é estritamente matemática.

Já imaginou se abríssemos as recomendações a todo mundo?

Simplesmente elas não funcionariam.

O valor extremamente acessível de uma determinada ação dispararia…

E a divisão dos ganhos seria irrisória.

Como no caso das três oportunidades neste momento, e que está prestes a conhecer.

Mas chega de falar do Ricardo ou da Inversa…

É hora de ter finalmente acesso às três ações que podem mudar a sua vida financeira.

A sua chave de acesso

Um contato regular como o que estou propondo neste momento não sairia no mercado brasileiro por menos de 1.000 reais no cenário mais otimista.

Mas por se tratar da primeira série do Ricardo e da Inversa, decidimos promover uma grande oferta especial de lançamento, por tempo extremamente limitado.

E válida apenas a você que chega até nós por este contato exclusivo.

O preço normal da Top Shot, cobrado em nossa loja, é de 12 x R$ 21,90 anuais.

Mas você vai ter acesso a todo o conteúdo da série agora por muito menos

Falo de apenas 12x R$ 15,90 na assinatura anual.

E ainda com 10% de desconto no pagamento à vista.

Sim, por somente R$ 15,90 por mês você vai garantir acesso a um relatório quinzenal, com as teses simples e objetivas do Ricardo e todas as suas indicações de investimento.

Como as três ações que você deve comprar agora para obter retornos extraordinários na Bolsa.

Além de uma série de guias e conteúdos extras.

Nunca é demais reforçar:

Você realmente consegue lembrar de algo tão valioso para a sua vida financeira nos últimos anos?

E por um preço tão acessível?

Muito mais barato que um um ingresso para o cinema ou uma assinatura da Netflix.

Em termos práticos, esta oferta especial implica um preço que permite que você experimente o serviço para ver se ele se enquadra nas suas necessidades.

Sinta-se à vontade para ponderar, e verá ainda que não há risco algum.

Digo isso porque, se entender que o conteúdo não se encaixa no seu perfil, poderá acionar também o Reembolso Seguro Inversa nos primeiros 30 dias da assinatura.

Com esse dispositivo, você terá seu dinheiro reembolsado sem questionamentos. Caso não queira ficar com a assinatura, basta entrar em contato com um dos diversos canais de atendimento da Inversa.

Por que estamos correndo esse risco de você conhecer as três ações para comprar agora, ter acesso a todo o conteúdo da série Top Shot por 30 dias e ainda ter o dinheiro reembolsado?

É simples…

Temos tanta confiança na qualidade e efetividade das nossas ideias – e da importância para você do seu acompanhamento – que decidimos oferecer essa possibilidade por um período tão extenso.

E que é superior ao oferecido por aí no mercado.

Nunca é demais lembrar: a única fonte de receita da Inversa é e sempre será a sua confiança.

Se você estiver satisfeito com nossos conteúdos originais, ganhando dinheiro, demandará mais ideias de investimento e informações de qualidade.

E, assim, continuará ao nosso lado, ajudando a gente a crescer. Simples assim.

Por isso investimos tanto tempo na escolha das três oportunidades para você ganhar muito dinheiro na Bolsa agora e nos próximos anos.

Você pode ter acesso a uma lista com as três ações, aos relatórios e a todo conteúdo extra da Top Shot para começar a agir imediatamente.

Basta clicar no link abaixo.

Ele vai levá-lo a uma página 100% segura para confirmar o seu acesso.

É simples e não requer mais do que três minutos.

A sua ordem será processada imediatamente, com a liberação de todo o conteúdo na mesma hora.

Para você começar a investir imediatamente. E assim ter acesso ao extraordinário potencial de ganhos proporcionado pelas três ações.

Lembre-se… só há UMA forma de pegar em cheio essas valorizações: agindo rápido.

Portanto, não perca tempo.

Um abraço,

Rodrigo Carlini

 


A Inversa é uma empresa de publicação de ideias. Foi fundada em 2017 com o objetivo de reunir pessoas com experiência no mercado financeiro para compartilhar suas histórias e aprendizados. Somos uma editora de conteúdos afiliada à empresa norte-americana The Agora Financial, o maior grupo de publicações de investimentos do mundo.

Inversa Publicações – CNPJ 28.265.605/0001-23 |  São Paulo – Brasil | www.inversapub.com
Contato com Área de Experiência do Cliente: consultor@inversapub.com